A ALEMANHA JUNTA-SE À COLIGAÇÃO QUE COMBATE O E.I.

 04/12/2015  09h04

  • A chanceler (premiê) alemã, Angela Merkel, participa de votação no Parlamento sobre a participação da Alemanha na campanha militar contra o Estado Islâmico na Síria

    A chanceler (premiê) alemã, Angela Merkel, participa de votação no Parlamento sobre a participação da Alemanha na campanha militar contra o Estado Islâmico na Síria

A Câmara Baixa do Parlamento da Alemanha aprovou nesta sexta-feira (4) os planos do governo para se juntar à campanha militar contra o Estado Islâmico na Síria.

Dos 598 parlamentares que participaram da votação, 445 votaram a favor e 146 contra; sete se abstiveram.

A missão alemã irá incluir o envio de seis caças de reconhecimento Tornado, uma fragata para ajudar a proteger o porta-aviões francês Charles de Gaulle, aeronaves de abastecimento e até 1.200 militares.

A Alemanha não irá se juntar a países como França, Estados Unidos, Reino Unido e Rússia na realização de ataques aéreos.

Medida foi aprovada após os ataques ligados ao EI que deixaram 130 mortos e dezenas de feridos em Paris no mês passado.

O ministro de Relações Exteriores alemão, Frank-Walter Steinmeier, disse que a luta contra o terrorismo e a crise síria não podem ser confrontados exclusivamente com meios militares e que uma solução política é indispensável.

Esta entrada foi publicada em ISIS com as etiquetas . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s